Passeios ecologicos

       Foto Ed Ferreira O sul da Bahia é riquissimo em verde, sendo dono de um bom pedaço de Mata Atlântica intocada pelo homem, outra parte preservada pela cultura do cacau.
       Aqui é possivel caminhar pela mata ao lado de um rio e próximo ao mar. A Mata da Boa Esperança e a região de Rio de Engenho, próximas a Ilhéus, possuem uma enorme variedade de plantas nativas, árvores de grande porte e trilhas ecológicas.
       Ao norte da cidade existe a Lagoa Encantada, com rio, cachoeira e muita mata nativa, um bom local para um passeio de barco ou a pé. Até a rodovia que liga as cidades de Itabuna e Ilhéus mostra uma riqueza exuberante de flora, sendo considerada uma das cinco estradas mais bonitas do Brasil.
       Ao sul, em Olivença, trilhas antigas levam a passeios por dentro da mata e uma bica natural refresca os visitantes.

Fazendas de Cacau

       Jupara Traço marcante da Costa do Cacau, o fruto foi responsável por riquezas, uma cultura única retratada nos romances de Jorge Amado, e fazendas que possuem características não encontradas em nenhum outro lugar do mundo.
       Em várias delas, como a Primavera, o visitante pode conhecer todo o processo que leva o cacau da planta à semente ensacada, base do fabrico do cacau.
       Se der sorte você pode acabar vendo um mico leão da cara dourada, um teiú (descendente dos lagartos pré-históricos) ou até um jupará, animal em extinção que se alimenta do cacau (foto ao lado) e depois planta as sementes (foto acima).
       Como gerador de riquezas o cacau hoje está em decadência, mas sua cultura continua firme como fonte de renda e de comportamento social.

cacau na barcaca

Últimas Notícias


compre fazenda